Oficina apresenta pratos da cozinha sino-japonesa “americanizada”

Esta postagem foi publicada em 10 de junho de 2019

Estudantes do curso de Gastronomia da Faculdade Senac participaram, hoje (10), da Oficina Gastronômica de Cozinha Sino-japonesa “americanizada”, com Yu Eiwha, chef e ex-aluna do curso. A proposta aconteceu dentro da disciplina de Cozinha Internacional Oriental, com o intuito de mostrar o lado mais étnico das praticas da cozinha a partir de sua origem.

Os alunos colocaram a mão na massa e produziram harumaki (rolinho primavera), yakisoba de carne, frango xadrez e camarão empanado.O aluno Cláudio Queiroz comenta que foram bem interessantes as técnicas aprendidas com a Yu. “Ela, por ter seus pais orientais, conseguiu nos trazer realmente as tradições da culinária chinesa e japonesa”.

De acordo com o professor Robson Lustosa, a ideia foi trabalhar as cozinhas chinesa e japonesa. “São duas cozinhas que entraram no processo de globalização contemporâneo, onde, hoje em dia, o macarrão chop suey e o sushi são elementos bem emblemáticos destas duas culinárias que são feitas de maneiras totalmente distintas do que é feito originalmente. É é aquilo que a gente chama de american style, a cozinha chinesa e japonesa no estilo norte-americano”, explica.

Robson comenta que, diferente do que aconteceu no Peru, que é uma cozinha de fusão chinesa e peruana, que gerou a chamada comida chifa, e a japonesa e peruana que deu origem à nikkei, há uma cozinha que foi adaptando os ingredientes e métodos de cocção aos gostos e paladares dos ocidentais. Por isso, a oficina foi baseada no que é chamado de cozinha sino-japonesa “americanizada”.


Por: Luciana Torreão/Luciano Oliveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *